Ibaneis: escolas só serão abertas com garantia total de segurança a alunos e professores

0

Para preservar a saúde de estudantes e funcionários dos colégios da capital do país, governador tem consultado diversos órgãos do GDF

Em meio às reações sobre possíveis datas para o retorno às aulas no Distrito Federal, o governador Ibaneis Rocha afirmou à Grande Angular que o estudo técnico pedido à Secretaria de Educação (Nota Técnica nº 09/2020, de 25 de abril de 2020) é apenas uma das etapas que serão consideradas no processo de reabertura das escolas.

Ibaneis garantiu que nenhuma medida será tomada sem que o governo tenha segurança sobre as consequências da iniciativa. E que o próximo passo é submeter o estudo feito pela Secretaria de Educação à Secretaria de Saúde, além de consultar a pasta de Mobilidade e também a Codeplan (órgão que subsidia o governo com informações a partir da pesquisa de dados).

“Precisamos, por exemplo, ter uma noção clara de qual será o impacto no sistema de mobilidade em função do retorno das aulas. Hoje, há uma previsão de que repercuta em um aumento na faixa de 5%, mas isso ainda precisa ser conversado com a Secretaria de Mobilidade”, disse o governador.

Ibaneis reforçou que as datas previstas na nota técnica contidas no estudo da Secretaria de Educação e reveladas pela Grande Angular não podem e nem devem ser levadas em consideração, por enquanto. O levantamento indica que o retorno se daria, em um primeiro momento, no dia 18 de maio (ensino médio) e, em seguida, no dia 1o de junho para os outros níveis de ensino.

Deixe o seu comentário