Ex-boxeadora brasileira é presa acusada de espancar o marido até a morte

0

A vítima tinha 61 anos e estava casado com Viviane Obenauf desde 25 de janeiro deste ano. Ela deve ficar detida por pelo menos três meses

ATUALIZADO 04/12/2020 11:40

Viviane ObenaufREPRODUÇÃO/INSTAGRAM
Ex-postulante ao título mundial de boxe da categoria super-pena, a brasileira Viviane Obenauf foi presa na Suíça. Aos 34 anos, ela é acusada de espancar o próprio marido, Thomas F., de 61 anos, até a morte.

Viviane aposentou do boxe no ano passado e se casou com Thomas em janeiro de 2020. De acordo com o jornal Daily Satar, o primeiro a levantar informações sobre o caso, a brasileira está sob custódia da investigação e deverá ficar detida por pelo menos três meses.

A polícia local afirmou que o crime teria ocorrido na residência que o casal dividia. A vítima morreu em razão dos ferimentos graves provocados por “agressão violenta sustentada”.

1

Os investigadores, segundo o site, também visitaram uma academia de propriedade de Viviane em busca de provas. Ela abriu o espaço depois de trabalhar em redes hoteleiras do país. O marido de Viviane era um fabricante de cervejas.

Luto no Facebook

Em 26 de outubro, Viviane colocou uma imagem preta em seu perfil do Facebook. Mesmo sem legenda, vários amigos e familiares desejaram força a ela e à família. Muitas mensagens em alemão também expressavam sentimentos pela perda, embora não estivesse explicitada a morte.

Viviane tinha 20 lutas em seu cartel, com 14 vitórias (sete por nocaute) e apenas 6 derrotas.

Deixe o seu comentário