Covid-19: curso do Hran ensina hospitais da rede a combater a doença

0

A medida visa organizar o fluxo, reduzir o número de mortes por covid-19 e proporcionar mais qualidade e satisfação aos pacientes.

 

O curso ocorrerá nesta semana em vários hospitais localizados em todas as regiões do DF -  (foto: Ed Alves/CB/D.A Press)
O curso ocorrerá nesta semana em vários hospitais localizados em todas as regiões do DF – (foto: Ed Alves/CB/D.A Press)

O Gabinete de Crise do Hospital Regional da Asa Norte (Hran) decidiu fazer um matriciamento em todos os hospitais da rede para complementar estratégias implantadas com sucesso no Hran e ajudar as outras regiões de saúde no enfrentamento da covid-19. Nesta terça-feira (24/8), o curso ocorreu em Planaltina e Sobradinho.

O objetivo da iniciativa é ajudar os hospitais a organizarem fluxos de pessoas e atendimentos para atingir metas de qualidade e satisfação dos usuários, diminuir o tempo de espera, aumentar o giro de leitos e reduzir a mortalidade, principalmente por coronavírus.

O Gabinete de Crise do Hran demonstrará como se organizou, qual o perfil dos participantes e qual o espírito de liderança compartilhada com a finalidade de orientar os líderes de cada região a seguir o protocolo do hospital referência nos atendimentos de pacientes com covid-19.

O Hran possui mais de 7 mil atendimentos desde o início da pandemia, mas a taxa de mortalidade é de 1.35%, uma das menores do DF.

O curso é voltado para todas as gerências de assistência dos hospitais da rede e para a Diretoria de Atenção Secundária de cada região. Também está aberto para a Diretoria de Atenção Primária, mas é opcional.

Na última segunda-feira (24/8), o matriciamento ocorreu pela manhã em Brazlândia e à tarde, em Ceilândia. Nesta terça-feira (25/8), será feito em Planaltina e Sobradinho. Na quarta-feira (26/8) será a vez de Taguatinga e Samambaia.

Nesta quinta-feira (27/8), as Regiões de Saúde Sul e Centro-Sul receberão o curso. Pela manhã será no Gama e, à tarde, no Guará. Para finalizar, na sexta-feira (28/8) será a vez da Região Leste, que receberá o curso pela manhã no Paranoá.

Com informações da Secretaria de Saúde

Deixe o seu comentário