Salão do Artesanato terá 1.000 expositores de mais de 20 estados

0

A 12ª edição do evento ocorre de 8 a 12 maio, na área externa do Pátio Brasil Shopping. Entrada é gratuita

CONTEÚDO ESPECIAL
Marcelo Camargo/Agência BrasilPin this!
MARCELO CAMARGO/AGÊNCIA BRASIL
Salão do Artesanato Raizes Brasileiras
SALÃO DO ARTESANATO RAIZES BRASILEIRAS
07/05/2019 5:40 . atualizado em 07/05/2019 7:49

Bem vindo ao Player Audima. Clique TAB para navegar entre os botões, ou aperte CONTROL PONTO para dar PLAY. CONTROL PONTO E VÍRGULA ou BARRA para avançar. CONTROL VÍRGULA para retroceder. ALT PONTO E VÍRGULA ou BARRA para acelerar a velocidade de leitura. ALT VÍRGULA para desacelerar a velocidade de leitura.Play!Ouça este conteúdo 0:00
100%AudimaAbrir menu de opções do player Audima.
De 8 a 12 de maio, Brasília recebe a 12ª edição do Salão do Artesanato. O evento reunirá aproximadamente 1.000 expositores de 20 estados brasileiros, como Amazonas, Maranhão, Bahia, Acre, Santa Catarina, Goiás, Sergipe e São Paulo. Com o tema “Raízes Brasileiras – o Brasil feito à mão”, a programação inclui exposições, pratos típicos, shows de artistas regionais e oficinas gratuitas. O evento ocorrerá no espaço externo do Pátio Brasil Shopping e a entrada é franca.

DIVULGAÇÃO
DivulgaçãoPin this!
O 12º Salão do Artesanato terá início em 8 de maio, no Pátio Brasil Shopping

De acordo com Leda Simone Alves, diretora-executiva da Rome Eventos, empresa realizadora do Salão do Artesanato, a exposição visa colocar os artesãos em contato direto com os consumidores e promover a grande cadeia de produção manual que existe no Brasil.

Vai ser possível encontrar uma infinidade de peças feitas nas cinco regiões do país, são produtos carregados de tradição e com características próprias de cada estado”
Leda Simone Alves, diretora-executiva da Rome Eventos, empresa realizadora do Salão do Artesanato

DIVULGAÇÃO
DivulgaçãoPin this!
O evento reunirá aproximadamente 1.000 expositores

Artesanato sustentável e oficinas gratuitas

Erudito, popular ou folclórico, o artesanato brasileiro passeia por diferentes matérias-primas, técnicas, estilos. A diversidade cultural e a expressão criativa dos artesãos brasileiros fazem com que os produtos criados no país sejam bastante destacados mundo afora.

Atualmente, é considerado o maior evento do ramo no Centro-Oeste e está entre os três maiores do setor no Brasil. A feira trabalha com o conceito da sustentabilidade, realizando a coleta seletiva de resíduos e com expositores que comercializam produtos que utilizam como matéria-prima materiais reciclados. Além disso, todo o lixo reciclável é doado para cooperativas.

DIVULGAÇÃO
DivulgaçãoPin this!
A feira trabalha com o conceito da sustentabilidade e utiliza como matéria-prima materiais reciclados

O local contará com estandes para venda de produtos de alguns dos maiores destaques do artesanato brasileiro, considerados mestres artesãos: o escultor Antônio de Pádua, a ceramista Andréia Andrade e os artistas Edvaldo da Silva Santiago e Cristina Maria Ribeiro Lauteman estarão presentes no evento para mostrar todo o trabalho que realizam.

Diariamente, haverá oficinas gratuitas de bordado, tapeçaria tradicional, trabalho em fibras, biojoias e mosaicos. Profissionais com vasta experiência – como: o grupo DOuroPreto, de Minas Gerais; Maria José Lemos, da Associação das Tapeceiras de Lagoa do Carro, de Pernambuco; Fatinha Bastos, de Goiás; e Fátima Fernandes, do grupo Ciranda do Mosaico, do Distrito Federal – irão ministrar as atividades. Confira a programação.

Quarta-feira (08/05/2019)
15h a 16h – Flores de palha de milho, com Fatinha Bastos (GO)
16h a 17h – Colar de malha, com Tânia Lima (DF)
17h a 18h – Biojoias (brinco), com Juão da Fibra (PE)

Quinta-feira (09/05/2019)
11h a 12h – Porta-joias de material reciclado, com Tânia Lima (DF)
15h a 16h – Tapeçaria Manual de Lagoa do Carro, com Maria José Lemos e Isabel Gonçalves (PE)
16h a 17h – Bordado: Iniciação à Pintura de Agulha – Associação DOuroPreto Bordados (MG)

Sexta-feira (10/05/2019)
11h a 12h – Biojoias (colar), com Juão da Fibra (GO)
15h a 16h – Anjos de palha de milho, com Fatinha Bastos (GO)
16h a 17h – Bordado: Iniciação à Pintura de Agulha – Associação DOuroPreto Bordados (MG)
17h a 19h – Mosaico, com Fátima Fernandes (DF)

Sábado (11/05/2019)
11h a 12h – Tapeçaria Manual de Lagoa do Carro, com Maria José Lemos e Isabel Gonçalves (PE)
15h a 16h – Colar de malha, com Tânia Lima (DF)
16h a 17h – Bordado: Iniciação à Pintura de Agulha – Associação DOuroPreto Bordados (MG)
17h a 19h – Mosaico, com Fátima Fernandes (DF)

Domingo (12/05/2019)
11h a 12h – Tapeçaria Manual de Lagoa do Carro, com Maria José Lemos e Isabel Gonçalves (PE)
15h a 16h – Anjos de palha de milho, com Fatinha Bastos (GO)
16h a 17h – Bordados de Minas – Associação DOuroPreto Bordados (MG)

Cada workshop comportará até 20 pessoas, e as inscrições serão feitas na hora, por ordem de chegada.

Salão do Artesanato terá 1.000 expositores de mais de 20 estados
Abrir em Tela Cheia

Atrações e artistas convidados

A feira contará com atrações diárias e artistas convidados para entreter o público presente. De quinta-feira a domingo, o espetáculo Nosso Brasil, do Grupo de Dança Nova Bréscia, do Rio Grande do Sul, fará apresentações. Entre os artistas convidados, a exposição terá: Roberto Corrêa, mestre da viola caipira no Brasil; Cacai Nunes, pesquisador e violeiro; Felippe Rodrigues, sanfoneiro e forrozeiro; e a Orquestra Alada Trovão da Mata, que mistura maracatu e samba pisado. Confira a programação.

Quarta-feira (08/05/2019)
13h – Grupo de Dança Nova Bréscia
18h – Grupo de Dança Nova Bréscia

Quinta-feira (09/05/2019)
13h – Grupo de Dança Nova Bréscia
18h – Grupo de Dança Nova Bréscia
19h – Felippe Rodrigues

Sexta-feira (10/05/2019)
13h – Grupo de Dança Nova Bréscia
18h – Grupo de Dança Nova Bréscia
19h – Roberto Corrêa

Sábado (11/05/2019)
13h – Grupo de Dança Nova Bréscia
18h – Grupo de Dança Nova Bréscia
19h – Cacai Nunes

Domingo (12/05/2019)
13h – Grupo de Dança Nova Bréscia
18h – Grupo de Dança Nova Bréscia
19h – Orquestra Alada Trovão da Mata

Salão do Artesanato terá 1.000 expositores de mais de 20 estados
Abrir em Tela Cheia

Homenagem

A cada edição, o evento homenageia um estado brasileiro. Desta vez, o Acre foi o escolhido. A região, que possui cerca de 2 mil artesãos cadastrados junto ao Programa de Artesanato Acreano, movimentou cerca de R$ 12 milhões com a participação em eventos nacionais de 2015 a 2017.

O estado trará itens que caracterizam a produção regional, como biojoias, roupas e sapatos, além de uma mostra de sua gastronomia típica, e fará distribuição de CD contendo vídeos de vivência nas comunidades tradicionais.

Salão do Artesanato 2019

Local: Térreo do Pátio Brasil Shopping
Data: de 8 a 12 de maio
Horário: das 10h às 22h
Preço: Entrada gratuita
Informações: (61) 3345-0011
Promoção: Rome Eventos
Apoio: Programa do Artesanato Brasileiro (PAB) / Secretaria Especial de Produtividade, Emprego e Competitividade / Ministério da Economia
Patrocínio: BRB
Parceiro: Latam Cargo

COMPARTILHE

Deixe o seu comentário