Mãe e três filhos morrem após carro bater de frente com carreta

0

A mãe e os três filhos estavam em um carro superlotado, que transportava outras três pessoas, que ficaram gravemente feridas. Tragédia aconteceu na BR-354
JH João Henrique do Vale/Estado de Minas

O Palio onde estavam as vítimas foi jogado para fora da pista após o choque com a carreta
(foto: PMRv/Divulgação)
Uma tragédia nas estradas de Minas Gerais tirou a vida de uma mãe e três filhos, o mais novo com 5 anos. O carro em que os quatro estavam, e transportava sete pessoas ao todo, bateu de frente com uma carreta na BR-354, em São Gotardo (MG), na Região do Alto Paranaíba. As outras três pessoas foram socorridas em estado grave.

Com a batida, alguns ocupantes do veículo, um Palio prata, foram arremessados para fora do carro. A chuva fina no momento da colisão pode ter contribuído para a ocorrência. O condutor do carro estava com um revólver, que foi apreendido.

A carreta envolvida no acidente: acidente pode ter sido provocado pela chuva que caía no local (foto: PMRv/Divulgação)
A carreta envolvida no acidente: acidente pode ter sido provocado pela chuva que caía no local
(foto: PMRv/Divulgação)
O acidente aconteceu por volta das 21h de domingo (22/9). De acordo com a Polícia Militar Rodoviária (PMRv), o carro seguia em direção a São Gotardo, quando, no Km 350, invadiu a contramão. Ele acabou batendo de frente com a carreta, que seguia na direção contrária.

Com o impacto, o carro foi arremessado por alguns metros. Algumas das vítimas acabaram sendo projetadas para fora do automóvel. Morreram no local: V.F.S, 39 anos, e os filhos dela, L.A.S.C, de 19; A.V.S.A, de 17; e L.E.S.D, de 5. Duas crianças, de 11 e 14 anos, ficaram gravemente feridas, assim como o condutor, de 39. Eles foram socorridos para um hospital de Patos de Minas (MG).

Arma encontrada
Os policiais encontraram na cintura do motorista do carro um revólver calibre .22, que estava sem munição. Por causa disso, o homem segue internado sob escolta policial. Ele deverá prestar depoimento após receber alta. Os corpos dos mortos no acidente foram encaminhados para o Instituto Médico-Legal (IML) da cidade.

COMPARTILHE

Deixe o seu comentário